Projeto Voz Amiga

No âmbito do projeto Escola Solidária, no presente ano letivo, o Agrupamento de Escolas de Arouca associou-se ao projeto Idade Maior, promovido pela Câmara Municipal de Arouca, tendo sido desenvolvidas atividades intergeracionais que envolveu um grupo voluntário de 18 alunos do ensino secundário e 25 idosos sinalizados pelo município.

Os jovens que integram o Club Interact de Arouca deram um contributo fundamental no arranque deste projeto, tendo colaborado na divulgação e incentivado a participação dos alunos.

Este projeto de intervenção consistiu no estabelecimento de contactos telefónicos regulares entre os jovens e os seniores que se encontram em situação de isolamento geográfico e social, potenciado pelo confinamento provocado pela pandemia que assolou o país, procurando transmitir-lhes, acima de tudo, uma mensagem de esperança e de ânimo.

Com esta atividade, pretendeu-se, por um lado, contribuir para atenuar os efeitos da solidão, da ansiedade e da exclusão social da população idosa que se encontra em situação mais vulnerável e, por outro, alertar e sensibilizar os mais jovens para o envelhecimento da população, a valorização deste grupo etária e a riqueza da partilha de saberes e de experiências, com enfoque numa sociedade solidária e humana, valorizando a importância do voluntariado.

Ao longo do ano letivo, foram realizadas reuniões periódicas entre os alunos e as equipas coordenadoras dos projetos de ambas as Instituições, com os objetivos de coordenar as atividades e partilhar as experiências vividas. Os alunos tiveram ainda a oportunidade de participar numa sessão de formação promovida pela Associação Nacional de Gerontologia, onde foi possível conhecer e refletir sobre vários aspetos relacionados com a população idosa.

Convidados a sugerir um nome para o projeto, os alunos batizaram-no de “Voz Amiga”.

No encerramento da atividade, a presidente da Câmara Municipal, Margarida Belém, convidou todos os envolvidos para um convívio informal, que decorreu no dia 23 de junho, junto das piscinas municipais, onde enalteceu o trabalho desenvolvido e agradeceu a participação de todos, em particular, dos alunos, realçando o feedback bastante positivo que tem recebido da população sénior envolvida.

A diretora do Agrupamento, Amélia Rodrigues, também mostrou o seu agrado e satisfação pelo envolvimento dos alunos, realçando o exemplo de cidadania ativa praticado, tal como as representantes da rede social do município e do projeto Escola Solidária.

Dado o sucesso desta iniciativa, prevê-se a continuidade do projeto no próximo ano letivo.

Fotos